quinta-feira, 14 de maio de 2009

vou...

vou escrevendo tentando ficar com os pés no chão
vou conversando tentando trocar idéias e não enlouquecer de vez
vou passando por essa fase da melhor maneira que consigo
não é a melhor e está longe de ser a ideal
mas é assim que eu consigo desatar os nós
ter outras visões do que está me definhando

gente,
como enlouquecer é fácil...
se você se fecha dentro de um casulo
tudo fica mais difícil
sombrio
sem luz
sem vida
sem sonhos
sem esperança...

ninguem
gosta de gente doente
de gente cheia de problemas
de gente que fica se queixando o tempo todo

é nessas horas que entram os amigos
para nos abrir os olhos
para nos fazer pensar e refletir
aqueles amigos que te puxam as orelhas
mas te dão a mão para você não caminhar sozinha
te falam verdades, nem sempre fáceis de falar e ouvir
mas te aconchegam com um gesto de carinho

por isso eu escrevo
por isso eu falo
por isso eu questiono

pois não quero virar almofada
morando num sofá rançoso e desbotado
cheio de ácaro e mofo

mas tem pessoas que gostam
que se acostumaram e não sabem viver de outra maneira
ou não querem mudar, pois mudar dói
ah se dói...

a dor vai continuar
passar por mais uma rejeição não está sendo nada fácil
nem tinha pensado nisso, mas conversando com um amigo
ele me mostrou este lado que eu não tinha percebido
mas eu vou resistir como das outras vezes
tenho que ser forte, mesmo me sentindo um cisquinho
tenho que ter fé em mim e principalmente em Deus
pois Ele tem me carregado enquanto não consigo andar
daqui a pouco tudo isso vai virar história
e eu vou voltar a correr
a correr pelos lindos campos de girassóis amarelos
amém.

2 comentários:

Ana Lúcia disse...

Sonhei com vc hoje...
Como estão as coisas?
Bjs

Claudia Pompeu disse...

ai ai ai
sonhou ou teve um pesadelo? rs
minha querida amiga, as coisas estão se ajeitando com ajuda dos amigos que sempre aparecem nas horas mais difíceis e sem esperança.
obrigada pelo carinho e pela atenção!!!!