terça-feira, 29 de março de 2011

o dia de hoje...

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
terça-feira quente nas geraes
.
comecei o dia ouvindo música boa
depois visitei meus pais e chorei
almocei com amigos
na despedida daquele que me abriu portas no trabalho
mas que agora vai escrever sua história por outras bandas
.
comemorei o RG dos meus filhos
liberei requests
aprendi a aplicar notas
comi brigadeiro  :)
 .
com alegria e orgulho
paguei a mensalidade da facu
graças ao meu lindo blog rosa  :)
hoje fiz coisas
andei de carro
caminhei a pé
e para não perder o costume
visitei meus pensamentos...
 .
me decepcionei com a nota 7,5 da prova
por me exigir demais
e pelos resquícios da perfeição  :(
mas consegui reverter o pensamento
e me alegrei com o quanto estou caminhando para frente :)
 .
e a pergunta que não quer calar:
onde será que me perdi?
porque acreditei e dei tanto valor à minha baixa auto-estima?
qual a época que me encolhi
e acreditei que não merecia ter conquistas na vida?
.
que triste dependência era essa
de me anular pelos outros
e me encher de ilusão pela vida do outro?
.
de onde surgiu a certeza que eu não viveria sem as pessoas que eu escolhi
afinal sobrevivi sem mamãe e depois sem papai
numa missão a princípio impossível
mas estou aqui
me libertando de amarras que eu mesma apertei
por medo do abandono
da solidão
e principalmente por carência...  :(
 .
hoje queria muito que meus pais estivessem aqui
com certeza sentiriam orgulho
da filha única
que mudou mais uma vez o rumo da história
voltando a trabalhar
e retornando aos estudos
depois de anos luz longe dos livros didáticos :)
 .
contei isso porque senti uma saudade triste
e de vez em quando ela machuca
mas sei que vai passar... :)
 .
bondoso Deus
majestoso é o Teu rei
grande é Tua misericórdia
obrigada por tudo
amem
 
 
...

8 comentários:

Beatriz disse...

Saudade normal. Eu gostarei muito se os meus filhos sentissem saudades de mim ... Além disso, estejam onde estiverem estão felizes demais pelas suas conquistas. Nós estamos também. Beijinhos

Beatriz disse...

PS Onde se lê "sentissem" leiam "sentirem" , por favor

claudinha disse...

beatriiiiiiz vc é inesquecível!
simples assim :)

sinto lhe informar mas essa saudade aí, se Deus quiser, vai demorar muitos anos para sua turma sentir! :)

bjos de sua fã número 1
claudinha :)

Bel disse...

Sinto saudades da familia todos os dias. Diferente da sua, mas entendo bem isso... Beijos e parabens pelas conquistas! Pelo pouco que tenho acompanhado voce e uma pessoa muito forte, continue assim!

claudinha disse...

bel bel
ai ai viu
vc já faz parte do grupo de pessoas queridas que me emocionam :)

na verdade minha fortaleza é bipolar (rs) muda num piscar de olhos de menina super poderosa para uma casquinha de ovo...

mas pessoas como vc e minhas "meninas junqueira" não me deixam desistir! :)

bjos
claudinha

AL disse...

Mamis, claro que vou sentir saudades de você, mas como disse a Claudinha, espero que demore muito!

Claudinha, parabéns pela excelente nota! 7,5 em 10 é muito bom! (Foi em 10?) 75% de aproveitamento é ótimo!

Oi, Bel! Bom te encontrar por aqui. Sds dos Baugh!

Bjs

claudinha disse...

nalúcia!!!!! saudades de vc menina!!!!
a prova valia 10
mas me embolei demais
não segui os conselhos do meu anjo
errei duas bobeiras que me deixaram realmente frustrada :(

obrigada por trazer a bel para o blog rosa! adorei!!!!

bjos
claudinha

Mary disse...

Olá!!!
7,5 é show de bola. Ainda mais para um assunto que parece ser quase impossível. Parabéns!
Essa saudade, se Deus quiser, ainda vai demorar M U I T O para sentirmos. Mas tem a saudade dos avós, das babás! Ainda mais agora que o Rafael olha a foto da babá do papai, todas as noites e diz: babá! Com um lindo sorriso no rosto. Ela deve estar muito feliz, onde quer que seja, por ser reconhecida pelo neto do Vandinho. Carinho ali, não faltava!!!!
Beijos