sábado, 10 de abril de 2010

arquivo de fotos

céu azul, sol e frio nas geraes
.
















outro dia o espírito saudosista bateu em mim
e lá fui eu cuidadosamente
delicadamente
abrir meus arquivos de fotos
que há muito não via
por falta de coragem
e principalmente por medo de sentir dor
.
















.
desde que deixei a "cão negro" me atacar
e tomar conta da minha vida
as fotos se tornaram meio que proibidas
.
aqueles registros que eu sempre guardei
com um carinho imenso
muito cuidado
que me ajudam a contar histórias
e relembrar bons momentos
passaram a me mostrar somente a escuridão
tanto que rasguei, queimei, destruí
muitas delas
mas muitas mesmo
com a esperança que aquela dor que eu estava sentindo
desaparecesse e fosse queimada junto com as fotografias...
.















.
claro que a dor não foi embora
e que bom que nos meus surtos
apaguei só as que não me fazem falta
tirando os posts de Budapest que faziam parte deste blog
e que eu deletei por impulso
mas me arrependi amargamente
o resto merecia o esquecimento e ponto
.












.
então resolvi ir atrás das fotos que me mostrassem amor
e não dor
de pessoas que eu gosto
de momentos felizes
que além de estarem registrados ali no papel
fazem parte do álbum da minha vida
.















.
testando a minha sanidade
com cuidado fui abrindo os arquivos
ainda escolhendo em qual eu poderia entrar com segurança
.














.
me dei o direito de sentir apenas saudade
e nostalgia por bons tempos que não voltam mais...
no embalo coloquei várias fotos no orkut
achei divertido
não doeu
foi leve
e deixou o gostinho de quero ver mais
.














.
andei o tempo inteiro na linha amarela
aquela que está na área de segurança
pois não quero cair no abismo novamente
.















.
aí quando eu menos espero
lá estou eu ou uma foto que cliquei
em um álbum qualquer
misturada com pessoas que nada tem a ver comigo
sem o mínimo cuidado
e o que posso fazer além de lamentar?
.
torcer muito para a pessoa enjoar da "maledita"
e reciclar os álbuns
dando a vez para outro
e me tirando fora deles!
.















.
outro dia em dois orkuts diferentes
vi umas fotos minhas
que eu queria simplesmente não fazer parte
mas não tenho liberdade com essas pessoas
para pedir que deletem elas de lá
pois me machucam
e eu simplesmente não quero acolhê-las na minha história
.
simples não?!
.
álbum pra mim é como um livro
escolho as melhores fotos
que me fazem sorrir
suspirar
sentir saudades
gargalhar
momentos felizes que passei junto
de pessoas que eu gosto
admiro
e quero mostrar
recordar
reviver...
.






.
confesso que fico feliz e até envaidecida
quando encontro fotos que tirei postadas
por pessoas que eu valorizo e tenho consideração
isso sim é bom
para meus olhinhos e minha auto-estima
.
a vaidade do fotógrafo
é ver seu trabalho reconhecido
elogiado
comentado
e sendo exposto
em lugares bacanas
e por pessoas que admiramos
.
não aprendi a lidar com o contrário
quando minhas "preciosas" fotos
vão parar num lugar que eu não aprecio
valorizo e gosto
é frustrante
e eu não consigo me acostumar com isso...
.
a partir do momento que elas saem da minha máquina
começam a ter vida própria
e eu não consigo mais cuidar e nem proteger
é estranho de pensar
mas é realmente isso que eu sinto...
.
chatice de claudinha
que sempre quer tomar conta de tudo
inclusive das fotos que tira
ai ai
vai ser complicada assim lá em Budapest!!!!! :)
.
que o bondoso Deus nos proteja
hoje e sempre
AMEM


...

6 comentários:

Beatriz disse...

ainda bem que vc resolveu abrir o baú de fotos. Amei todas que eu vi. Obrigada.Bjos Boa semana p/vcs

Claudia Pompeu disse...

beatriiiiiizzzzz que bom que gostou!
ainda vou me animar e pegar os "álbuns de papel"
aí sim vai ser divertido!!!!! rs
bjos e ótima semana para vc'!

Bruna disse...

q lindooo, claudinha. fique sabendo q vc é a minha fotógrafa preferidaaaa! rsrsrs e é uma alegria imensa saber q faço parte das boas recordações. o carinho q nós aki de casa temos por vcs é mtoo grande. família, né?! fazer o q se é tão comum amar a família. rsrsrsrsrs.

bjooo

Mary disse...

Se quiser o post feito lá em Budapest, mas que não é de Budapest e sim da minha Lindinha Rosinha.... tá lá prontinho para ser resgatado!
Também adorei a idéia de resgatar fotos do fundo do baú. Continue nos alegrando. Agora estou esperando ansiosamente a exposição das fotos "em exposição" tiradas por você!!!!
Beijos

Claudia Pompeu disse...

bruninha claro que vc está no lado bom das minhas histórias! nunca duvide disso! AMO e admiro MUITO a sua linda família!
bjos e obrigada pelo carinho
claudinha

Claudia Pompeu disse...

UAU mary! que sonho hein?!
quem sabe um dia isso realmente aconteça e eu vou simplesmente
flutuar de alegria!!!!! rs

oba! pode mandar o post da Ana Luiza, da nossa linda Rosinha!!!!
já estou esperando sentadinha aqui! rs

bjos