segunda-feira, 12 de setembro de 2011

fim de jogo


















aprendendo com meu anjo
.
a tarefa de ser mãe não é fácil
e no sábado aconteceu mais um capítulo da história
"meu filho goleiro"
na copa mercantil  :)
.
o evento é enorme
com jogadores de várias categorias
e colégios de belo horizonte
.
o clima é muito bacana
os torcedores se misturam aos jogadores nas arquibancadas
antes de entrar em campo
e quando isso acontece é uma festa! :)
.
cada gol é comemorado com entusiasmo e gritos da torcida
e o time adversário geralmente se cala
rezando para que o placar mude a favor de seus jogadores :)
.



















então
depois dessa breve descrição
vamos ao que interessa
que é como aprender a ter calma
concentração
e domínio da situação
quando a bola entra na sua rede :(
.
o jogo era de vida ou morte
quem perdesse estava fora
e com essa ansiedade comecei a fotografar os meninos
até que meu anjo foi para o gol...
.















sais minerais
ai ai ai
meu coração quase saiu pela boca
no meu ir e vir de um lado para o outro
não furei o chão porque era de ferro
sem saber se olhava
fotografava
ou admirava a lua para quebrar a tensão :(
.
meu goleiro fez ótimas defesas
e claro
levantou a torcida
e fez gritar a mãe coruja que aqui escreve :)
.
mas para tristeza da nossa torcida
aquela bola idiota sacudiu as redes
e eu tive certeza que meu coração ia parar
já que o poder de voltar no tempo
eu ainda não possuo  :(
.
o estômago embrulhou
e fiquei ali
sem saber se sentava
andava
gritava
falava mal do juiz
ou ia lá proteger meu filho...
.
o jogo continuou e pouco tempo depois
ai ai ai
mais um pouco de
ai ai ai
a maldita bola de novo acabou com a minha brincadeira
e meu estômago deu um nó cego
triste assim... :(
.















meu anjo continuou ali
firme
forte
cumprindo seu papel de proteger aquelas traves
e honrar seu time :)
.
mesmo com a troca de goleiro
o time levou mais um
e o gol da salvação
chegou tarde demais
nos últimos minutinhos do quarto tempo :(
.
infelizmente não foi dessa vez
os meninos ficaram tristes
mas nem por isso se torturam
pois fizeram o melhor
que não foi o suficiente para ganhar
mas como lição de vida
foi super válido
pois no próximo campeonato
estarão mais e com mais experiência :)
.
trocando de papel com meu anjo
acho que teria desistido
me sentiria culpada
e bla bla bla
mas meu goleiro não se abalou
pois sabe que o jogo é assim
ganhar e perder
e não precisa se torturar ou morrer :)
.
tão bonito ver o seu jeito
saber que a covardia não faz parte do seu manual
e que para alcançar as vitórias
ele tem que treinar
amadurecer
crescer
e enfrentar os próximos adversários
simples assim :)
.
"nem sempre ganhando
nem sempre perdendo
mas aprendendo a jogar"...
.
fico tão aliviada por ele não ter me puxado nesse aspecto
e por estar vendo que sua auto-estima é positiva e saudável
pois o sucesso em sua vida
vai chegar como recompensa dos seus atos
e sem culpas
pois será uma consequência do seu jeito
de lidar com suas perdas e seus ganhos
que acontecerão ao longo dos anos :)
.
















bondoso Deus
obrigada por ter me dado
um lindo e guerreiro
anjo gabriel
amém :)

.

Um comentário:

Wander Rodrigues disse...

Seu filho é muito lindo, e é raçudo. Com quase 2 anos a menos é muita diferença. Jogou bem e me fez, pela primeira vez, gostar de futebol. Não do futebol em si, mas do futebol com uma pessoa muito importante fazendo parte.
Ano que vem estamos lá de novo!