domingo, 5 de dezembro de 2010

CHATA



















o sol está com preguiça
mas o calor está simplesmente torrando as geraes

eu queria falar das fotos que tirei ontem
no campeonato mineiro de muay thai
mas outro assunto furou fila
pulou na frente
e tenho que registrar!

fiquei procurando no google uma imagem para ilustrar o post de hoje
e foi ela que conseguiu mudar o rumo da história
que começou meio pesado
e agora ficou tipo assim
chatinho
como eu!

ontem ouvi um elogio ao contrário
que me fez refletir
e questionar se meu cabelo continua vermelho
ou se mudo a tonalidade...

sorry
acho que me perdi
e estou enchendo linguiça
mas voltando...

achei o que estava procurando
no blog "chata pra burro"
que só pelo nome já achei sensacional
era tudo que eu estava precisando no momento
uma adolescente bem humorada
que se rotula assim
amandinha é o nome dela
espero que ela não fique brava comigo
por ter pegado emprestado uma imagem do seu blog

mas se ela é chata
e eu também
então a gente pode concluir
que vamos nos dar bem
ou não...
afinal chata é chata
e essa característica pode aflorar por qualquer motivo
então se ela reclamar
não vou poder ficar chateada
e terei que entender pois também tenho doutorado
no quesito chatice
e sei que somos assim! :)

http://chatapraburro.blogspot.com/

fiquei aqui olhando pra telinha
numa dúvida cruel...

conto?
ou não conto?
conto ou não conto?

TENHO que contar
pois a pérola foi tão "gigantalaça"
que não dá para simplesmente deixar pra lá! :)














assim do nada
"de grátis"
no meio de um churrasco em família
eu tive que ouvir daquele que um dia me rotulou de alice:

- você está muito bem depois que começou a trabalhar!
- não é o trabalho, eu estava doente
- DOENTE NADA
- estava sim
- HA HA HA deixa disso
você estava era CHATA MESMO!

e eu fiquei pensando
se aquela sentença era única de quem me falava
ou se ele calmamente aguardou o momento certo
para ser o porta-voz de toda uma família
que viveu e conviveu com minhas loucuras bem de perto...

me lembrei do livro que li ano passado
"uma viagem entre o céu e o inferno"
do luiz humberto
onde ele descreve esses diagnósticos "exatos"
que pessoas leigas passam
sem o menor conhecimento, noção ou compaixão...

mas melhor não aprofundar no assunto
pois não quero ter recaídas
e já que o cão negro não consegue mais me morder
o mais sensato nessa história
é deixar pra lá
arquivar o caso na pasta de pérolas
e continuar trabalhando
pois assim deixo de ser chata

simples assim! :)


ponto
parágrafo
na outra linha :)




















a contagem continua
hoje na maior "coincidência"
quem vai me ajudar
são as tábuas da lei
que carregam os 10 mandamentos

angel angel angel faltam 10 dias!!!!!!















...

Um comentário:

Angélica disse...

Agora faltam 9...
E se preparem todos...